Entrevista do DIM com a Chrisma

Entrevista da Chrisma

Olá, sou a Chrisma Ng. Faço 32 anos este ano e vivo em Singapura. Sou Especialista Regional de Marketing para a região asiática e supervisiono os aspetos digitais e de conteúdo de marketing, juntamente com a minha equipa fantástica. Decidi participar neste movimento porque acredito na capacitação das mulheres e, claro, quero celebrar a feminilidade!

Como descreveria a sua função em Aggreko?

Adoro marketing digital e acredito que o marketing de conteúdo é o caminho a seguir! Penso que isso explica a minha escolha de carreira! Ajudo países específicos da região asiática nos seus esforços de marketing digital e de conteúdo.

Como definiria a capacitação das mulheres?

A capacitação das mulheres é como o yin e yang - um casamento de duas energias opostas mas complementares. Significa independência, sermos suficientemente fortes para falarmos por nós próprias e estamos capacitadas para fazer escolhas. Também significa cultivar, motivar e inspirar as pessoas à nossa volta sempre que pudermos. 

O que diria a si mesma com menos idade?

Diria a mim própria com 18 anos de idade para me concentrar menos nos rapazes, nas festas e nas noitadas. Ha, ha! Ah, também lhe diria que, apesar de ser importante saber o que estamos a fazer, também é divertido não o saber. As experiências são o que nos moldam. Por isso, avança e perde-te enquanto tentas encontrar-te.

O que considera serem atributos femininos?

Talvez ser compassiva relativamente a tudo. Não é fácil para um homem mostrar o seu lado mais terno, enquanto as mulheres são incentivadas a fazê-lo. Que sorte a nossa.

Quem é a sua maior influência na vida?

A Angelina Jolie.

Por que motivo pensa ser importante haver um Dia Internacional da Mulher?

Penso que é importante ensinar às gerações mais jovens o que significa este dia. E como as jovens devem aprender a ser capacitadas, independentes e fortes.

Que mensagem gostaria de deixar para os homens e para as mulheres no Dia Internacional da Mulher?

Acelerem a igualdade de géneros, temos de começar a ensinar os jovens.

O que espera com mais ansiedade acerca do evento?

As mulheres de todo o mundo a celebrar os seus feitos, quer sejam académicos ou profissionais, e o seu contributo para o ambiente.

 

Tem alguma dúvida ou quer falar com a Aggreko?

Te ajudaremos a encontrar o que precisa