Client Orbital ATK

Location Utah, EUA

Segmentos Manufatura

O desafio

Manter os motores refrigerados num local extremamente quente

Quando a Orbital ATK precisou de testar o Development Motor-2, ou DM-2 (o segundo motor de foguete de combustível sólido Ares, de cinco segmentos, totalmente desenvolvido da NASA), deparou-se com um problema.

Era essencial um teste do motor a frio para provar que o motor teria um bom desempenho a baixas temperaturas, mas isso implicava manter tanto o motor como o combustível a 40 ºF (5 ºC). Com as temperaturas ambiente no local de testes no Utah a excederem 100 ºF (38 ºC), manter uma temperatura baixa seria difícil. A equipa da Orbital ATK pediu-nos que criássemos um sistema de refrigeração capaz de simular as condições de quase congelamento nos edifícios de teste temporários que alojavam o motor e o combustível.

Neste tipo de sistemas, a água a temperaturas negativas tem tendência para condensar e formar gelo nas bobinas, pelo que precisávamos de um dispositivo de descongelamento elétrico incorporado. Outro desafio era a dimensão reduzida dos edifícios, o que significava que o nosso equipamento teria de ficar no exterior.

Por fim, a equipa em terra teria de conseguir deslocar os edifícios para aceder ao foguete e, por esse motivo, o nosso sistema teria de ser suficientemente flexível para manter o ar à temperatura certa, apesar destes desafios.

Ficha informativa do projeto

DM-2

O mais potente motor de foguete de combustível sólido

> 100 ºF (38 ºC)

Temperaturas no local de testes no Utah

20 ºF (-6,7 ºC)

Temperatura requerida nos edifícios de teste

40 ºF (5 ºC)

Condições necessárias para realizar testes do motor a frio

Refrigeração a baixa temperatura

Unidades de tratamento de ar de baixa temperatura com modo de descongelamento

A solução

Um sistema de refrigeração de ar adaptável, de design especial

Criámos um sistema de refrigeração de ar, incluindo refrigeradores, com três torres de duas unidades de tratamento de ar, também com capacidade de descongelamento. Um dos pares de unidades de tratamento de ar aspirava ar do interior do edifício, refrigerava-o a 20 ºF (-6,7 ºC) e devolvia-o ao interior, enquanto a outra unidade estava em modo de stand-by ou de descongelamento. De seguida, instalámos uma sétima unidade de tratamento de ar para fornecer ar fresco e aumentar a pressão do ar, afastando o ar quente e húmido.

Pouco antes do teste real, separámos o equipamento do edifício e instalámos um sistema de condutas de ar condicionado personalizado para refrigerar as juntas do DM-2 até um minuto antes do lançamento do foguete. 

a diferença Aggreko

Especializada, dedicada e com uma excelente relação de trabalho. São estas as bases da nossa reputação.

O impacto

Dentro do prazo e pronto a descolar

Os testes foram realizados dentro do prazo, sendo um enorme feito para todos os envolvidos. Não há dúvida de que a nossa estreita colaboração com a Orbital ATK, combinada com a nossa abordagem especializada, desempenhou um papel importante no êxito do projeto - testar o maior e mais potente motor de foguete de combustível sólido concebido para voos tripulados.

"Não há dúvida de que a nossa estreita colaboração com a Orbital ATK, combinada com a nossa abordagem especializada, desempenhou um papel importante no êxito do projeto."

Tem alguma dúvida ou quer falar com a Aggreko?

Te ajudaremos a encontrar o que precisa